Curso online de O Brincar e o Aprender na Educação Infantil

quarta-feira, 9 de abril de 2014

Plano de Aula: Saltos na Ginastica




Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula

Vivenciar diversos tipos de saltos.

Desenvolver a noção espacial

Promover as capacidades de raciocínio e tempo de reação rápidos.

Promover o respeito as diferenças de habilidades.

Trabalhar em grupo

Duração das atividades
1 aula de 50 minutos
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno

Não serão necessários conhecimentos anteriores.

Estratégias e recursos da aula

Caro Professor, nas ilustrações abaixo apresentamos os tipos de saltos mais comuns. Essas posições serão trabalhadas e desenvolvidas na aula de uma forma forma lúdica.

 

FIg 1- SALTO CARPADO


 

 

Fig 2 - SALTO AFASTADO

Salto Afastado Salto Afastado

 

 

Fig. 3 - SALTO GRUPADO

 

 

O SALTO é conteúdo principal desta aula. Apresentamos algumas idéias de atividades de saltos encadeadas, com respaldo na Ginástica Artística (GA), no Salto em Distância (SD) e no Salto em Altura (SA).

 

ATIVIDADE 1 - Jogo das Posições

Este jogo tem como objetivo ensinar as 4 posições básicas dos saltos mais simples provenientes da GA. Ele funciona na mesma dinâmica da brincadeira “morto ou vivo”, porém mais difícil, pois nos valemos de 4 posições diferentes. Peça para os alunos sentarem-se no chão da quadra, espalhados, de modo a não encostarem um no outro. O professor chamará qualquer uma das 4 posições básicas da GA para que os alunos executem, a saber: posição esticada – deitado, com o corpo totalmente esticado ( use a figura do palito de picolé para ilustrar o movimento), posição grupada – sentado, segurando os joelhos com as pernas dobradas, posição afastada – sentado com as pernas estendidas e afastadas umas das outras ao máximo e mãos nos pés, posição carpada – pernas unidas e estendidas e mãos nos pés. A medida que o aluno erre, ele se tornará um ajudante para verificar se os outros colegas estão fazendo a posição certa.

Dica: diminua o tempo entre falar uma e outra posição para elevar o nível de dificuldade do jogo.

 

 

ATIVIDADE 2 - Trabalhando as Diferentes Posições

 

Usando as posições apresentadas e praticadas na atividade anterior, peça que todos os alunos se levantem e promova um jogo com a mesma dinâmica, porém, eles deverão começar em pé, saltar e executar a posição no ar e terminar em pé outra vez.

 

 

ATIVIDADE 3 - Pulando Corda

Peça aos alunos para se dividirem em trios. Cada trio receberá uma corda, onde 2 ‘baterão’ a corda para o terceiro aluno pular. Cada aluno deverá escolher a forma que pulará a corda antes de começar a fazê-lo. Peça para que cada aluno conte o máximo de vezes que conseguiu pular da forma escolhida. Estimule-os a realizarem o salto na corda utilizando algumas das posições apresentadas.

Dica: É importante ressaltar que TODOS os alunos devem passar pelo momento de pular a corda em seu trio.

Pulando cordas em trio

 

ATIVIDADE 4 - Brincando com as cordas

Peça para que os trios se juntem de 2 em 2 formando SEXTETOS. Cada sexteto terá duas cordas, com as quais simularão as margens de um “rio” pelo qual terão que pular sobre, de um lado para o outro. O importante nesta brincadeira é que o “rio” de cada sexteto tem que ter o tamanho máximo possível de modo que TODOS do grupo têm que conseguir pular pelo “rio” sem pisar nas cordas e chegando ao outro lado.

Dica:

1 – Caso alguém caia no meio das cordas, o rio tem que ser diminuido, caso os integrantes do grupo caiam muito depois da corda, o rio tem que ser aumentado.

2 – Cabe ao professor ajudar os alunos a verificarem a distância máxima que o grupo pode ter.

 

FINALIZANDO A AULA

Caro Professor, reuna os alunos no centro da quadra e promova um debate sobre as atividades desenvolvidas. Questione-os em que atividade conseguiram desenvolver todas as posições e, quais as que tiveram maior dificuldade e porquê.



Comente:


Você não pode perder:

500 jogos e brincadeiras
Aprenda Planejar Aulas de Educação Física
Atividades Físicas de Alunos Especiais


Popular

Arquivo do blog