quarta-feira, 13 de março de 2019

Aspectos importantes na iniciação do Voleibol





O voleibol é caracterizado pela alternância de atividades dinâmicas acíclicas, normalmente realizadas através de esforços máximos, por intermédio, principalmente, de saltos verticais, corridas com mudança de direção, com breves períodos de descanso, que ocorrem entre os rallis e intervalos entre os sets.

Devido a esta complexidade, é necessário que os atletas tenham uma preparação física geral bem desenvolvida, o que deve ser propiciado por uma base sólida, conquistada nos primeiros anos de prática. A combinação das qualidades envolvidas é imprescindível para que seja alcançado o desempenho máximo nas ações de jogo. As habilidades físicas e motoras necessárias para a sua prática são muitas e diversificadas, sendo mais complexas à medida que é maior o nível técnico dos atletas envolvidos na disputa.

Fisiologicamente falando, devido ao tempo médio em que a bola permanece em jogo durante a realização dos rallis, há uma predominância dos sistemas anaeróbios, notadamente do ATP-PC, com o sistema aeróbias sendo importante para a recuperação necessária entre os rallis e nas demais interrupções do jogo.

Outro fator que caracteriza o voleibol é o fato de ser uma modalidade que necessita preponderantemente das habilidades motoras abertas, visto que constantemente o atleta precisa fazer ajustes de seu movimento a situações inesperadas. Estas habilidades devem ser treinadas através de atividades que proporcionem desafios que estimulem a capacidade cognitiva. Quanto melhor for a análise da situação de jogo, mais rápida pode ser a preparação da resposta adequada.

Dentre a gama de exercícios que podem ser utilizados, devem-se priorizar aqueles que possuem uma maior semelhança com o gesto esportivo. Desta forma, estaremos atendendo ao princípio da especificidade do treinamento desportivo e temos a possibilidade de haver uma maior transferência do trabalho físico para as situações de jogo.

O processo formativo de um jogador de voleibol seja fracionado em dois períodos: o primeiro visa à aquisição de uma formação física básica, crescimento harmonioso e com saúde, com um conteúdo abrangente que possibilite a construção de bases motoras que possam prolongar ao máximo o período produtivo dos praticantes. O segundo buscará a obtenção da aplicabilidade das capacidades necessárias para executar as habilidades fundamentais específicas ao voleibol.

Em todas as situações propostas devemos ressaltar a importância em se planejar um trabalho em longo prazo, que possa oferecer condições do praticante desenvolver por completo seu acervo motor.

Atividades para Aulas de Voleibol

Para incrementar o ensino do Voleibol, é importante que o professor tenha boas atividades para aulas de Voleibol para aplicação imediata. Aproveite a promoção, clique aqui e saiba mais!



Comente:


Você não pode perder:

Entre no Grupo de Whastapp
100 Planos de Aulas + 100 atividades para Educação Física Escolar
800 atividades para Educação Física


Popular

Arquivo do blog