terça-feira, 10 de abril de 2018

07:09

Plano de aula: Atletismo

Resultado de imagem para aula de atletismo 

Objetivo
- Aprimorar a habilidade de correr com velocidade e boa coordenação motora.

Flexibilização
Os alunos com algum tipo de deficiência física poderão participar desta atividade desde que possam contar com alguém que os auxiliem, seja empurrando a cadeira de rodas, ou apoiando naquilo que for preciso. Ainda assim, é importante considerar o fato de que estarão em situação de desvantagem em relação aos outros. No caso de alunos cadeirantes, na maioria das vezes, um simples colega "empurrador" pode resolver o problema, desde que seja rápido (você propor um "teste" antes). No caso de alunos que andam com algum tipo de dificuldade e não contam com o apoio da cadeira, pode-se propor aos corredores das outras equipes que, no momento em que vão disputar com eles, o façam de uma forma diferente, enfrentando um desafio a mais como correr de costas ou de lado, por exemplo. A ideia é diminuir a desvantagem, tentando fazer com que todos enfrentem um desafio com graus de dificuldade e esforço parecidos. Mais importante que isso, é compartilhar as ideias entre todos, pedindo sugestões e ouvindo os comentários de todo o grupo. Este tipo de situação tem sua importância na medida em que contribui para que todas as crianças construam gradativamente uma disposição para encarar os próprios desafios e dificuldades de forma criativa e aberta à diversidade.

Desenvolvimento
Peça que os alunos se dividam em duplas, trios ou quartetos. Em um pátio, eles ficam uns ao lado dos outros e, ao sinal do professor ou de um colega, um participante de cada grupo corre o mais rápido que puder, tentando chegar em primeiro lugar a um ponto definido. Quando a primeira bateria terminar, é hora de outros integrantes de cada equipe participarem. Esteja atento para que todos tenham a oportunidade de correr e oriente as crianças quanto aos fundamentos da corrida: posição de largada, atenção e concentração, movimentos coordenados de braços e pernas, respiração, olhar sempre fixo à frente etc. Desafie a garotada a correr de formas diferentes (de costas, de lado, num pé só) e diversifique os espaços, aumentando ou diminuindo a distância da pista.

Avaliação
Um bom indicador de que a turma está correndo cada vez mais rápido é o tempo gasto para completar a distância estipulada. Após a realização de algumas corridas, registre o tempo de todos e estabeleça com eles algumas metas. Tome como base a média de velocidade do grupo e defina os objetivos mais viáveis para cada aluno, visando diminuir o seu tempo. Repita várias vezes a atividade e incentive as crianças a registrar e monitorar seu tempo para ver se melhoram suas marcas.

Conheça a 100 atividades de Atletismo para aplicação imediata em Aulas - TOP 100 Atletismo

terça-feira, 3 de abril de 2018

13:30

Atividade física em prol do desempenho escolar


De ponta cabeça (Foto: Thinkstock)

A conclusão partiu de um experimento simples, realizado pelo pesquisador Brendon Gurd, da Queen's University (Canadá): durante 3 semanas e em dias alternados, alunos de uma escola primária tiveram a opção de participar de um "FUNterval", um recreio divertido, com atividades físicas, ou podiam ficar mais paradinhos, aprendendo sobre diferentes aspectos de um estilo de vida saudável.
O cientista notou que as crianças que aderiram ao intervalo dinâmico ficaram mais concentradas durante os 50 minutos seguintes de aula: se dispersaram menos, mantiveram-se mais focadas na explicação dos professores e se viraram menos para os lados, o que demonstra mais concentração...

Após a atividade física, seja voltada a habilidades motoras ou brincadeiras, as crianças ficam, sim, mais atentas.

O exercício não apenas é capaz de deixar as crianças mais concentradas, como mostrou o estudo. Mas pode ser também uma excelente ferramenta para ajudar os pequenos a fixarem os conteúdos passados em aula. A interdisciplinaridade e as propostas de aulas devem incluir uma primeira parte mais lúdica, com uma dança, um jogo, ou brincadeira, que precede o ensino mais teórico . O movimento corporal, o jogo ou a história ajudam a criança. A partir desse registro, a gente consegue avaliar quais foram os conceitos que adquiriram.

Por fim, não podemos deixar de mencionar que as atividades físicas, sobretudo as brincadeiras em grupo, também são capazes de ensinar às crianças alguns conceitos matemáticos, como perto e longe, rápido e devagar.

Na prática

Confira algumas boas ideias para ajudar seu filho a se concentrar depois do exercício:

Mude de ambiente
Ao passar de um momento de intensa atividade para outro mais calmo, mudar de uma sala para outra, de um ambiente aberto para um fechado, ou vice-versa, ajuda a criança a fazer a transição.

Crie uma rotina
Se a criança já sabe que depois da brincadeira vem a hora do leitura ou o momento de se sentar para fazer a lição de casa, ela pode se preparar melhor para o que está por vir.

Não precisa sair do lugar
Mesmo que você não tenha muito espaço dentro de casa, dá para usufruir dos benefícios do exercício físico, com rotinas simples de aquecimento e músicas. Uma delas é a canção da boneca de lata: "Minha boneca de lata bateu 'com tal parte do corpo' no chão. Levou mais de uma hora pra fazer a arrumação... Desamassa aqui, desamassa ali...Pra ficar boa". A cada rodada você escolhe uma parte do corpo, à qual deve levar as mãos quando a canção chega na parte do "desamassa".

Cuidado com a dose!
Há uma grande diferença entre o seu filho correr durante 40 minutos na aula de educação física e participar de uma brincadeira de 10 minutinhos durante o recreio. É inevitável que o corpo uma hora se canse do excesso de movimento. Por isso, maneire no nível e na duração das brincadeiras antes da lição de casa, para que a criança não fique esgotada.

Fonte: Revista Crescer

Publicado em 27/11/14 e revisado em 03/04/18
10:09

Como planejar aulas e treinos em Educação Física




No plano de aula o professor organiza as unidades a serem desenvolvidas, descrevem os métodos que devem ser utilizados para a aplicação de cada conteúdo, os recursos que serão necessários e as metas a serem atingidas. Desta forma, o plano de aula é uma ferramenta indispensável para o professor que deseja organizar melhor suas aulas e facilitar seu trabalho. A Educação Física requer um cuidado muito especial na elaboração deste planejamento, por isso elaborei este material para ser uma ferramenta de trabalho para professores de Educação Física, acadêmicos, treinadores esportivos e instrutores de academias que queiram trabalhar com atividades físicas e treinamento funcional.




Ensinamentos de Como Elaborar seus Planos de Aulas de Educação Física, com modelos prontos e direcionando para os objetivos e metodologias a serem aplicadas de acordo com a faixa etária dos(as) alunos(as).

1 - TREINAMENTO FUNCIONAL 100 EXERCÍCIOS:
Aqui você encontrará além dos exercícios : - ESTRUTURA DOS PROGRAMAS DE TREINO; - PERIODIZAÇÃO; - DINÂMICAS DE AULAS; - CARACTERÍSTICAS DO PERSONAL COLETIVO; - MODELO DE TREINO COM ROTEIRO; - COMO MONTAR UM CENTRO DE TREINAMENTO

2 - COMO MONTAR TREINOS DE VOLEIBOL O presente trabalho ressalta a importância do profissional de educação física na busca constante por literaturas que contenham exercícios e treinos para auxiliar no seu trabalho. O tema " Voleibol Como Montar Treinos Passo a Passo com mais de 170 exercícios" É UMA EXCELENTE ferramenta para o trabalho dos profissionais que almejam cada vez mais propor atividades diversificadas para as crianças, adolescentes e adultos . Tem por objetivo oportunizar a muitos profissionais que têm dificuldade em elaborar treinos de uma forma organizada e sistemática de acordo com a faixa etária da sua clientela. Nele você encontrará : -História do Voleibol -Fundamentos -Sistema de Jogos *+ de 170 Exercícios -Plano de Aula/Treino -Mini Vôlei

3 - 500 JOGOS E BRINCADEIRAS excelente ferramenta para professores de Educação Física, Pedagogas e Professores dos Ensinos Infantil e Fundamental. São fontes históricas de baseados em autores e também, da minha vivência como docente na área de educação por 20 anos. Aproveitem esta grande oportunidade.

4 - EDUCAÇÃO FÍSICA PARA ALUNOS ESPECIAIS : Com este e-book deseja-se oferecer subsídios para as tomadas de decisões no que se refere à política do trabalho de inclusão junto às escolas, indicar mecanismos de preparação de professores de Educação Física que atuam na área, quanto à melhoria da prática escolar, e oferecer indicadores para as propostas curriculares nos planos das instituições e a dinâmica dos professores em seu processo ensino/aprendizagem principalmente na Educação Física Escolar 1 . A EDUCAÇÃO ESPECIAL AO LONGO DOS ANOS 2. A INCLUSÃO NO AMBIENTE ESCOLAR 3. A EDUCAÇÃO FÍSICA ADAPTADA 4. ATIVIDADES PRÁTICAS E EXERCÍCIOS .


Não perca a chance de fazer um curso espetacular, com ótimo conteúdo. 

Clique na imagem abaixo e tenha todas as informações!

http://3.bp.blogspot.com/--bh4hD7vuuw/WVY7EkgsDuI/AAAAAAAAUOM/ZrE5-avG0xYykRcbMBOEDFJey9NZ4XRLQCK4BGAYYCw/s1600/inscreva-se-no-curso.jpg

Informações sobre o Curso:

Produtor: Giovani Soldera

Popular

Arquivo do blog