quarta-feira, 5 de julho de 2017

Treinamento Funcional na Educação Física Escolar - Ensino Médio





Espera-se que os alunos ao iniciar o Ensino Médio sejam portadores de um
rico acervo motor, pois já passaram pela principal fase de formação e teoricamente deveriam estar prontos para movimentos mais específicos e complexos.

Força, resistência, agilidade, equilíbrio e flexibilidade são habilidades que
compõe o complexo sistema motor humano. São elas que, elaboradas pelo sistema nervoso, são responsáveis pela realização de movimentos básicos como andar e subir escada, até os movimentos mais complexos como movimentos técnicos esportivos. A construção destas habilidades gera na criança a base para um adulto que apresenta domínio sobre seu corpo. Em contrapartida, o aluno que na sua infância não teve seu desenvolvimento motor trabalhado de maneira ampla, fica com um déficit motor que carregará para toda sua vida.

Dentro da escola cabe a disciplina de Educação Física promover o desenvolvimento motor já que esta é a única disciplina que tem o movimento como objeto pedagógico. Estimular e apontar experiências positivas para desenvolver o gosto pela atividade física nos alunos do Ensino Médio pode promover adultos fisicamente ativos. Para tanto se propõe uma alternativa metodológica: Treinamento Funcional.

A ideia de trabalhar com o Treinamento Funcional tem como justificativa
mostrar aos alunos do Ensino Médio, a importância que a atividade física tem para o seu cotidiano e os benefícios que acarretará para sua saúde. Praticar essa modalidade experimentalmente nas aulas de Educação Física de modo a vivenciar movimentos que possivelmente, tanto atraiam quanto minimizem as dificuldades de movimentos habilidosos. Inicialmente o Treinamento Funcional foi utilizado para a recuperação dos movimentos funcionais de idosos e de pacientes lesionados, porém seu sucesso fez com que fosse implantado nas academias brasileiras como método alternativo, alcançando com eficiência os objetivos estabelecidos por professores e alunos. Por que não utilizar o treinamento funcional dentro da escola, já que um dos problemas encontrados nas aulas de Educação Física é a formação deficitária das habilidades físicas?

Importante lembrar que o Treinamento funcional refere-se a um conjunto de exercícios praticados como preparo físico ou com o fim de apurar habilidade sem cuja execução se procura atender a função e o fim prático, ou seja, os exercícios de treinamento funcional apresentam propósito específico, geralmente reproduzindo ações motoras que serão utilizadas pelo praticante em seu cotidiano.

Os exercícios funcionais referem-se a movimentos que estabilizam mais de um segmento ao mesmo tempo, que pode ser realizado em diferentes planos e que envolvem diferentes ações musculares (excêntrica, concêntrica e isométrica).

O programa de exercícios funcionais traz vários benefícios tanto ao corpo como também à mente. Pensando nisso, elucidamos alguns dos muitos benefícios do método:
  • Desenvolvimento da consciência sinestésica e controle corporal;
  • Melhoria da postura;
  • Melhoria do equilíbrio muscular;
  • Diminuição da incidência de lesão;
  • Estabilidade articular, principalmente da coluna vertebral;
  • Aumento da eficiência dos movimentos;
  • Melhora do equilíbrio estático e dinâmico;
  • Melhora da força, coordenação motora;
  • Melhora da resistência central (cardiovascular )e periférica ( muscular );
  • Melhora da lateralidade corporal;
  • Melhora da flexibilidade e propriocepção.

A aula de educação física na escola é o ambiente ideal para proporcionar a
aprendizagem de bons hábitos para repassar aos jovens atitudes positivas e como principal meio de compreenderem o porquê da necessidade de se aprender a cultura do corpo.

Para ter variedade de exercícios funcionais, você precisa conhecer o guia com 200 exercícios de Treinamento Funcional. Além desses exercícios, o guia ensina como a montar o treino de funcional de maneira perfeita. Clique aqui e conheça!
Sendo assim, o Treinamento Funcional pode e deve ser usado em auls de Educação Física Escolar no Ensino médio.



Comente:


Você não pode perder:

500 jogos e brincadeiras
Aprenda Planejar Aulas de Educação Física
Atividades Físicas de Alunos Especiais


Popular

Arquivo do blog